Como Escolher a Melhor Clínica de Recuperação

Como Escolher A Melhor Clínica De Recuperação

Você sabe o que faz de uma clínica, a melhor clínica de recuperação?

Você sabia, que é possível levar em consideração muitos pontos fundamentais, antes de escolher por uma clínica?

Pois é. Existem muitos fatores que podem contribuir para a melhora do paciente internado por dependência química, e para que o tratamento seja eficaz, é preciso que esses fatores sejam levados em consideração.

Afinal de contas, o tratamento é sério, e necessita ser tratada com a seriedade que merece, para que o indivíduo possa voltar à sua rotina da melhor forma possível, e com a maior segurança possível.

Para descobrir então, como escolher a melhor clínica de recuperação, continue com a leitura do artigo.

 

O que é uma clínica de recuperação?

Antes de falarmos sobre a escolha da melhor clínica de recuperação, vamos falar sobre o que significa uma clínica de recuperação.

Em primeiro lugar, é preciso dizer que qualquer pessoa que apresente características de dependência química, seja ela por uso de drogas ou álcool, é considerada uma pessoa doente.

Isso significa, que ela precisará passar por um tratamento que seja adequado à sua condição, para que possa retornar à sua rotina de maneira normal.

Tanto o alcoolismo, quanto o uso desenfreado de substâncias químicas em geral, podem comprometer a vida das pessoas que estão envolvidas, além do próprio usuário.

Sendo assim, é importante que ele procure ajuda necessária e especializada, ou que receba essa ajuda através da intervenção de parentes, que o levarão à melhor clínica de recuperação.

 

Quais são os melhores tratamentos para dependentes químicos?

A melhor clínica de recuperação é aquela que oferece os melhores tratamentos para os dependentes químicos, e trazem tranquilidade para a família.

Esses tratamentos podem ser:

 

Tratamento interno

Com o tratamento interno, o paciente pode desfrutar de acompanhamento 24 horas no dia, 7 dias na semana.

Ele terá profissionais de uma equipe multidisciplinar à sua disposição, ou seja, poderá ser acompanhado por médicos, técnicos, terapeutas, psicológicos, e etc.

Essa é uma maneira mais drástica de internação, necessitando de ressocialização após o período na clínica, que vai depender de cada específico, podendo durar de 1 mês a meses.

Pessoas que vão por conta própria, pois perceberam a necessidade de ajuda externa para enfrentar e vencer o problema, também podem precisar de um tratamento intensivo, com internação completa.

Porém, não há regra.

É possível que pacientes que são internados de maneira involuntária, ou seja, por intervenção de familiares ou da justiça, também apresentem necessidade de internação completa ou não.

Cada caso é um caso, e precisa ser estudado pelos médicos e pela equipe responsável, que indicará o melhor tratamento para o paciente em questão.

 

Tratamento externo

Com o tratamento externo, o paciente pode viver a sua vida, ir para casa, ter a sua própria rotina, mas precisará retornar em horários agendados para que haja acompanhamento dos profissionais da clínica.

O paciente que apresenta necessidade de tratamento externo, costuma ser aquele que não oferece risco nem a ele, nem a mais ninguém, e que apresenta um caso de dependência mais simples.

Ele irá participar, ao visitar a clínica, de terapias individuais e em grupo, de consultas, e de grupos de apoio.

 

Tratamento misto com internação parcial

Como o próprio nome já diz, esse tratamento oferece uma junção entre o tratamento interno e o externo.

Nesse caso, o paciente irá receber todos os cuidados e acompanhamentos que um paciente internado em tempo integral receberia, porém em horário comercial.

Ele precisa estar na clínica de manhã, e à noite, poderá ir embora para dormir em casa.

Quem irá decidir pelo melhor dos tratamentos é a equipe médica, como aqui já foi falado, buscando promover o melhor resultado para o indivíduo.

 

Tratamento hospitalar

Existe ainda, o tratamento hospitalar, que é a forma mais severa de acompanhamento do paciente portador de dependência química.

Esses casos são mais extremos, pois indicam que o paciente oferece riscos graves para ele, e para os que com ele convivem ou para a sociedade em si.

Sendo assim, há a necessidade de um acompanhamento constante e supervisionado de profissionais, sendo necessário até mesmo a redução do convívio com familiares e amigos, que só poderão visita-lo quando solicitados.

 

A melhor clinica de recuperação é aquela que cuida de tudo

Talvez, exigir que uma clínica de recuperação cuide de todos os seus problemas, seja pedir muito.

Mas, se ela oferecer 2 serviços fundamentais, ela já estará cumprindo seu papel de melhor clínica de recuperação.

Esses dois serviços se tratam de um tratamento eficaz e efetivo para o paciente, que precisa se sentir seguro e confortável, ainda que no início se sinta contrariado e esteja contra sua vontade.

Com o tempo, esse paciente precisa compreender e perceber que naquele ambiente, ele será bem cuidado, e que ele pode contar com as pessoas que estão ali para ajuda-lo.

Isso somente poderá acontecer, se a clínica oferecer serviços individualizados e humanizados para o acompanhamento desse paciente, sendo esse um dos pontos principais para caracterizar uma clínica como a melhor clínica de recuperação.

 

Segundo ponto a ser discutido

E, o outro ponto a ser discutido e que precisa ser oferecido por ela, é a melhor na sua qualidade de vida.

Sim, a dependência química tem o poder de destruir o usuário, mas além disso, ela também bagunça com toda a família, que vive para ver a pessoa livre daquilo que a aprisiona.

Sendo assim, a melhor maneira de oferecer esse cuidado com a família, e consequentemente com você, que é família, é oferecendo o melhor serviço para aquele paciente.

Afinal de contas, sabendo que a pessoa que você ama está em boas mãos, e que ela irá se recuperar, pois está sendo muito bem cuidado, em um ambiente saudável e propício, irá te trazer noites de sono muito mais tranquilas, não é?

E, dessa mesma forma, suas preocupações irão diminuir, enquanto sua qualidade de vida irá aumentar.

Por isso, é fundamental encontrar a melhor clínica de recuperação: aquela que oferece os serviços que você necessita, que é especializada no seu problema, e que pode oferecer o acompanhamento de qualidade que vocês merecem.

 

Conclusão

Pronto! Agora, você já sabe com escolher a melhor clínica de recuperação, para que o tratamento seja eficaz e o período de internação, agradável para você e todas as pessoas envolvidas no processo!