Como a psicanálise ajuda na dependência química?

Como a psicanálise ajuda na dependência química

Como a psicanálise ajuda na dependência química?

Existem diversos pilares da recuperação como tratamento medicamentoso, terapias em grupo e individual, mas saiba como a psicanálise ajuda na dependência química. Através desta ferramenta é possível organizar os pensamentos e melhorar os comportamentos.

Nós do Grupo Braços Abertos possuímos em todas as nossas unidades conveniadas um conjunto de pessoas que participam diretamente na recuperação dos pacientes alcoólicos e adictos a drogas. Assim, os terapeutas ou psicólogos, ajudam o dependente a mergulhar nas profundezas de sua mente para tratar o gatilho principal que o faz usar.

Normalmente esses gatilhos nem sempre são conhecidos ou identificados rapidamente pelos usuários, contudo, ao longo do processo, os caminhos mentais que ambos percorrem, podem surpreender o paciente e ajudá-lo a se transformar.

Conjuntamente a terapia medicamentosa e o acompanhamento de um psiquiatra é importante para avaliar o quadro do usuário e a evolução do tratamento. Assim as fissuras e abstinências são administradas e o paciente pode ter conforto em se tratar, já que a sensação ruim provocada pela falta da substância é administrada pelo medicamento.

Mas porque há a necessidade de um psicólogo para tratar esses gatilhos mentais, qual é o papel desse profissional da saúde na vida do paciente usuário? Será que sem esse especialista em saúde mental é possível se recuperar?

O que é psicanálise e como ela ajuda na dependência química?

A psicanálise é uma técnica de que trabalha o inconsciente desenvolvida por Sigmund Freud, algo responsável pelas nossas atitudes automatizadas, ao mesmo tempo, essas técnicas podem desafiar a lógica e o bom senso conhecidos.

O inconsciente é a chave de estudo para essas técnicas, Freud percebeu que muitos dos comportamentos que possuímos, são influenciados por forças inconscientes como desejos, impulsos, memórias e etc. Independentemente se são agradáveis ou não, podem causar e mudar o ambiente de convivência em que a pessoa está inserida.

O portal Vittude deu um exemplo interessante sobre como o inconsciente transforma o consciente sendo: quando alguém é vítima de um comportamento rude ou grosseiro no trabalho, o indivíduo sente raiva, vontade de rebater ou até mesmo agredir o outro fisicamente. Às vezes, cria uma fantasia mental e imaginária sobre a pessoa que foi rude para consigo.

Contudo, realizar essa fantasia pode acarretar em consequências severas para a pessoa. Mesmo assim, ela poderá transformar a fantasia em realidade “sem querer” com motivações inconscientes.

Psicanálise e dependência química

Quando Freud estudou a psique humana, ele deduziu em como a psicanálise ajuda na dependência química por fatores associados ao prazer e tensão. Para ele, o aparelho psíquico humano visa o alívio de tensão de diferentes formas, evitando o desprazer e valorizando o prazer.

Há uma citação em que, apesar de destrutivo, o uso de álcool e drogas como alívio do desconforto, desprazer e dor humana, aparentemente tem se mostrado eficiente de alguma forma, pois está presente desde os primórdios.

Claudia Sampaio, psicanalista e pedagoga, cita em seu artigo na Sinpesp que o homem está sempre em busca de aplacar seus medos, acobertar fragilidades, pontos fracos e impotência de modo a se afastar da realidade para não precisar lidar com tudo de uma vez. A intoxicação por drogas, álcool, chás alucinógenos são um conjunto de mecanismos que ajudam o homem a enganar a si mesmo e viver num mundo ideal onde a tensão psíquica é igual a zero. Porém, esse mundo é fabricado, é ideológico e não real.

A proliferação de dependências químicas

No estudo em como a psicanálise ajuda na dependência química é possível conhecer um aspecto básico da sociedade em questão, já que esta, tende a produzir suas próprias patologias. Na modernidade estamos cada vez mais destilando álcool e manufaturando drogas sintéticas de modo a potencializar o prazer. Assim, como as pessoas se frustram por competitividade, as drogas são um incentivador de desejos ilimitados e produzem um cenário que prolifera a dependência química.

Características dos dependentes químicos trabalhadas pela psicanálise

Baixa tolerância a frustração, baixa autoestima, impulsividade, indisciplina, desorganização, dependência emocional, imaturidade, agressividade, sedução, dissimulação, mitomania, imediatismo, inversão de valores, negacionismo, inconsequente, pessimista, chantagista e ameaçador são características dos dependentes químicos e abordadas pela psicanálise.

Todas essas questões foram retiradas do portal Psicanálise Aracaju, além disso, o maior desafio do analista é estabelecer um vínculo terapêutico com o usuário. Por meio deste, o analista terá que entrar em uma sintonia perfeita, propiciando compartilhamento da experiência emocional. Assim, como a psicanálise ajuda na dependência química está no fato do analista imergir nas experiências emocionais primitivas, no sofrimento profundo, com o objetivo de auxiliar na elaboração de um plano para que o paciente supere tudo isso.

Imersão interna e externa da abordagem psicanalítica

A primeira interpretação é a que irá reorganizar o mundo interno, a segunda é o encontro entre analista e paciente, que gere autenticidade na ligação emocional e que altere o campo intersubjetivo. Para os pacientes, há uma importância nesta correlação, contudo em pacientes usuários de drogas, esse vínculo deve ser mais forte.

O usuário precisa sentir que realmente tem alguém ali, que estará correndo os mesmos caminhos dolorosos que são necessários para o seu desenvolvimento. Porém, como os dependentes químicos são vítimas da sociedade, eles podem criar situações de modo a serem abandonados, assim podem voltar a usar livremente.

Grupo Braços Abertos e a psicanálise sobre a dependência química

A estrutura da nossa plataforma é prover o melhor recurso terapêutico para pacientes dependentes químicos e alcoólicos, por meio da psicanálise sobre a dependência química é um aspecto trabalhado pelos psicólogos conveniados às instituições.

Deste modo, trazer do inconsciente para o consciente é importante para que as dores do paciente sejam trabalhadas. Assim, identificar as causas e meios são fundamentais para uma recuperação bem sucedida. Consequentemente, ao longo da terapia, uma abordagem sistêmica para a evolução do paciente é traçada.

Compare listings

Comparar

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.