Clínica de Recuperação Voluntária em Suzano

Clínica de Recuperação Voluntária em Suzano

O trabalho realizado dentro de instituições de recuperação não é um trabalho simples, muito pelo contrário, clínica de recuperação voluntária em Suzano além de fazer um trabalho de resgate físico do paciente faz um resgate mental. Quando fala-se de clínicas de recuperação, poucos sabem que necessita-se de uma infraestrutura adequada e que atenda não só os requisitos legais para se ter uma comunidade terapêutica mas que também realize o tratamento com o êxito necessário. Desta forma, apesar de utilizá-las na maioria das vezes como último recurso por diversas famílias, nós do Grupo Braços Abertos vamos através deste artigo demonstrar como são nossas instituições de recuperação na cidade de Suzano, como funciona o tratamento voluntariado e o porque nosso sucesso no quesito tratamento da dependência química, já que temos as menores taxas de reincidência do estado em internação.

 

A Instituição

Normalmente as clínicas de recuperação, apesar de popularmente chamadas de clínicas, são locais mais afastados dos grandes centros localizados principalmente próximos a áreas rurais. Desta forma assemelham-se à chácaras. Com piscinas, churrasqueiras, casa principal, quartos tanto na casa principal quanto em casas separadas, vários banheiros, saunas, cozinha industrial, sala de jogos, sala de convívio, sala social, salas de atendimento, enfermaria, sala de medicamentos e dispensa. Falando dessa maneira, essas instituições consideradas clínicas, na realidade tem por definição na FEBRACT como comunidades terapêuticas.

As comunidades terapêuticas, são comunidades que auxiliam o tratamento das pessoas que sofrem da doença do comportamento adictivo aliado ao consumo de substâncias psicoativas, popularmente chamada dependência química. Dessa forma, essas instituições como citado acima além de possuírem esses espaços físicos, possuem equipes técnicas locais para assistência da instituição e do dependente químico em questão.

  • A Equipe Técnica
    A equipe técnica de apoio dentro dessas comunidades terapêuticas normalmente são constituídas de equipe de enfermagem local com um enfermeiro que visita a instituição rotineiramente ou em alguns outros casos, diariamente para poder dar apoio e avaliar como estão sendo administradas as medicações aos pacientes e como os mesmos estão reagindo às mesmas. Um médico conveniado – psiquiatra – é responsável pela assistencialismo na questão da internação, ainda mais se houver a necessidade de remoção e internação involuntária. Além do mais esses médicos que visitam a instituição normalmente acompanham o quadro clínico de cada paciente local. Psicólogos estão disponíveis diariamente para o atendimento local dos pacientes e realizam consultas e dinâmicas de grupo efetivas para que os dependentes institucionalizados tenham altas taxas de aderência ao tratamento. Juntamente com isso existe uma equipe de assistência social, monitoria local (onde pacientes com mais tempo auxiliam no tratamento), nutricionistas e fiscais de atividades. Tudo isso para que se certifiquem do procedimento de tratamento.

Desta maneira clínica de recuperação voluntária em Suzano atende todos os requisitos legais para a realização do tratamento clínico de seu ente amigo querido que sofre da dependência química em questão. Estar com todos os profissionais alinhados para a realização de um efetivo tratamento é mais que necessário para que quando se realize o mesmo, as taxas de reincidência de uso se mantenham baixas.

 

Um tratamento Efetivo

Quando falamos do tratamento em clínica de recuperação voluntária em Suzano, estamos salientando que o melhor método de tratamento em nossas instituições é o procedimento de internação voluntária. Não apenas nas nossas dependências, mas de modo geral, a internação em instituições de maneira voluntariada é a melhor forma de eficácia no tratamento da dependência química. Ambas as partes estão cientes da necessidade do tratamento. Tanto a família do dependente quando o dependente, estão cientes que a única forma de vencer a depnedencia das drogas é a realização do procedimento de internação.

Ao aceitar a internação, a pessoa que está adentrando na instituição já passou pela primeira etapa de tratamento, a aceitação da doença do comportamento adictivo. Aceitar que se é uma pessoa doente, é formalmente e normalmente o primeiro passo a ser dado na recuperação. Desta forma, os intempéries que por virão serão parte do procedimento de recuperação e cabe ao dependente químico saber lidar com isso, entretanto o respaldo que as instituições darão ao mesmo de maneira voluntária é muito mais fácil ao invés de estar internado involuntariamente.

 

Adentrando na Instituição

Nossas instituições em Suzano utilizam da nossa base no quesito respeito aos nossos pacientes, familiares e clientes. Sempre estamos de Braços Abertos para receber essas três categorias de pessoas que são nossos alicerces no quesito tratamento da dependência química. Desta forma ao adentrar em nossas dependências, ainda mais de forma voluntária, o paciente será mais que bem recebido; será acolhido por outros pacientes e por nossa equipe técnica. Justamente para que se haja uma familiarização e interação que ajudem neste procedimento de acolhimento.

Ao realizar esse acolhimento é pedido que o interno conte um pouco de sua história aos demais para que conforme futuras adversidades e problemas que se passem, o mesmo tenha um apoio de outros pacientes. Nossa clínica de recuperação voluntária em Suzano realiza esse trabalho nesta naturalidade e sempre de Braços Abertos tanto para o tratamento do alcoolismo quanto para o tratamento da dependência química.

 

Uma Atitude, Um gesto de Amor

Pedimos à nossos leitores; sejam eles familiares que possuem dependentes químicos em suas famílias, quanto pessoas são adictas a acabam por cair nesta página devido os mecanismos de busca; que não tenham medo da realização do tratamento. Não temam ficar ligeiramente isolados da sociedade com o intuito de se tratar. Essa atitude é mais que um gesto de amor para com você mesmo, mas sim um bravo gesto de cuidado para consigo.

As drogas trazem a ilusão do esquecimento momentâneo aliado à um pequeno prazer, entretanto correr atrás de tratamento é uma coragem imensa. É passar por cima da dor da abstinência e saudar a saúde mental que ainda se têm. Portanto venha conhecer nossa clínica de recuperação voluntária em Suzano, faça um teste para com você mesmo, se dê a oportunidade de conhecer a si mesmo e entender como funcionam os mecanismos da doença dependência química e desta maneira se precaver para futuras recaídas.