Categorias: Alcoolismo

Como um Centro de tratamento de álcool para pacientes internos pode ajudá-lo na abstinência

Falar de internação para pessoas que são adictas é difícil, todavia como um centro de tratamento de álcool para pacientes internos pode ajudá-lo na abstinência? Pode ajudar e muito. Poucas pessoas sabem que o álcool, apesar de ser lícito e causar aquela ressaca terrível, também é uma das drogas que é a causadora de uma das piores abstinências. “Delirium Tremens” é um termo designado para pessoas que sofrem disso, e tal sensação é a precursora de um real processo de recaída.

Quando falamos de álcool, falamos de uma interação entre humanos e substância há muito tempo. Para ser sincero, em média 7 mil anos. Além do mais, a história do álcool sempre esteve associada a comemorações desde o alto escalão até os mais pobres. Sírios, fenícios, chineses, romanos, gregos e por fim, na era medieval, a produção do álcool sempre esteve presente e atribuída a festejos pela conquistas de outros impérios e batalhas.

Essa matéria surge com o intuito de salientar que a questão do álcool não vai mudar tão brevemente. Nós do Grupo Braços Abertos sabemos que os comerciais sem as devidas regulamentações do passado e o álcool presente em nossa sociedade desde antigos tempos, popularizaram a substância ainda mais no século XXI. Entretanto, somos bilhões de milhões de pessoas e estamos associados a um mercado que grandes corporações disputam. O mercado de consumidores de bebidas alcoólicas.

Sendo assim, não adianta lutar contra a maré, o que pode ser feito é cuidar para que não sejam extrapoladas as barreiras. Passar de consumidores sociais para consumidores vorazes é uma realidade que muitos enfrentam atualmente e que as consequências todos nós já sabemos. Infelizmente com a pandemia de 2020 o consumo de álcool por pessoas que estavam em isolamento social triplicou. E após o afrouxamento das medidas de isolamento social, as salas de A.A ficaram lotadas e as instituições de tratamento de dependentes químicos também não possuíam mais vagas para internação.

Para nortear nosso artigo iremos exemplificar porque a necessidade de internação de pessoas que são alcoólatras e não sabem como dar o primeiro passo na jornada de recuperação. Porque um alcoólatra sente o Delirium Tremens e como um centro de tratamento de álcool para pacientes internos pode ajudá-lo na abstinência. Concomitantemente como se preparar para as artimanhas que a dependência química oferece e em como evitar o processo de recaída.

Delirium Tremens

A Delirium Tremens é uma expressão que poucas pessoas já ouviram falar e que está associada à abstinência do álcool. Porém antes mesmo de compreender como é o procedimento de abstinência é importante entender como o álcool age no organismo. Segundo o hospital Sírio Libanês, o álcool é considerado uma das drogas depressoras e que tem a atuação em uma área preocupante do organismo, o sistema nervoso central.

É neste sistema nervoso que todas as funções como respiração, pressão arterial, batimentos cardíacos e saturação corpórea são controladas pelo cérebro. E o cérebro faz tudo isso de maneira involuntária. Imagine você irrigar seu corpo de uma substância que altera todas essas funções e as deprime? Deixando seu organismo mais lento e com sensação desconfortante de falta de sobriedade.

Realmente existem pessoas que, ao se tornarem dependentes do álcool, começam a se acostumar com essa sensação, mas e os efeitos pela falta de álcool no organismo podem gerar tremores, febre, sudorese, vômitos, mal estar, dores no corpo, dores abdominais e delirium tremens.

O delirium, também chamado de Delirium Tremens, é um estado de confusão mental que surge abruptamente, e causa alterações da consciência, atenção, comportamento, memória, pensamento, orientação ou outra área da cognição, provocando um comportamento que costuma alternar entre sonolência excessiva e agitação.

Também conhecido como Estado Confusional Agudo, o delirium está relacionado a alterações na atividade do cérebro, e costuma afetar, principalmente, idosos internados ou com algum tipo de demência, como a doença de Alzheimer, ou pessoas em abstinência ao álcool e drogas, apesar da sua causa exata ainda não está esclarecida.” (Fonte: TuaSaude.com – Delirium Tremens, o que é, causas e tratamento – Por Claudia Faria – Site: <https://www.tuasaude.com/delirium/>)

Um estado de Consciência.

Então como um centro de tratamento de álcool para paciente internos pode ajudá-lo na abstinência? Em todos os aspectos, é uma breve resposta. O Grupo Braços Abertos, recebe diversos pacientes com inúmeras variadas dependências, entretanto foram observadas que o álcool é um dos precursores gatilho para o desenvolvimento de outras dependências. Normalmente é no primeiro gole que se cria coragem para usar outras substâncias, ou seja, o álcool está presente em um processo de associação das drogas.

Então cessar o uso da substância é deveras importante para que pessoas que não tinham o controle, passem pela sensação de abstinência e recobrem a sobriedade. Desta maneira, a adesão ao começa a se estabelecer e um novo estado de consciência surge, o da recuperação.

Internar Resolve?

Resolve e muito. Muitas das pessoas que são internadas por problemas alcoólicos passam por um processo de cuidado eficaz. Onde realizam-se consultas com médicos psiquiatras antes mesmo do processo de internação, dessa forma, o paciente adentra a instituições com as medicações necessárias para aliviar o estado de abstinência alcoólica.

Desta maneira fica mais fácil superar tal sensação. Justamente é aí que começa a parte mais interessante do tratamento, a descoberta da razão de beber. Parar de beber é interessante, mas descobrir porque se recorre a bebida é mais importante ainda. E é aí que as clínicas de recuperação atuam.

Por se tratar de uma substância lícita e que se encontra em qualquer lugar, seja na padaria ou em qualquer vendinha da esquina, enfrentar a bebida alcoólica de maneira a não consumi-la é feito para qualquer dependente.

Por isso, nós do Grupo Braços Abertos realizamos um tratamento enfático dentro do conjunto de pessoas que sofrem do álcool, justamente preparando os pacientes para que se evite o processo de recaída do álcool. Nós valorizamos a vida sem drogas e acreditamos que cada um tem um potencial para se recuperar, estamos totalmente de braços abertos para uma nova maneira de viver.

Renan Rugolo Ré

Publicado por
Renan Rugolo Ré

Postagens recentes

Como internar uma pessoa com problemas psiquiátricos?

Muitos ainda se perguntam em como internar uma pessoa com problemas psiquiátricos? Conheça nossos tratamentos…

% dias atrás

Por que a dependência química acontece?

Muitos se perguntam o porquê a dependência química acontece, entretanto é importante salientar que como…

% dias atrás

Cantor Belo foi preso pela Delegacia de Combate às Drogas

Uma notícia que chamou a atenção recentemente foi que o cantor Belo foi preso pela…

% dias atrás

Este Website usa cookies

Saiba mais